Freiras descobrem gravidez durante missão

Quando uma mulher decide se tornar freira, ela tem ciência que de deverá abdicar de diversos hábitos, inclusive, da relação íntima. Apesar disso, um caso polêmico tem chamado a atenção de muita gente, já que foi divulgado que duas devotas de um convento apareceram grávidas.

As mulheres, que não tiveram os nomes revelados para preservar a identidade, haviam viajado para um missão na África a fim de realizarem ajuda humanitária como voluntárias no local, trabalho comum entre pessoas que atuam em funções religiosas. Mas quando voltaram, trouxeram consigo algo além da experiência do serviço: um bebê.

De acordo com o site italiano de notícias Agenzia Nazionale Stampa Associata, que fez uma matéria sobre o caso, uma das religiosas tem 34 anos de idade e é da cidade de Palermo, que fica localizada na Sicília, Itália. Ela começou a sentir dores na região do abdômen e foi encaminhada para um hospital para ser cuidada, mas acabou descobrindo que estava esperando um filho.

A outra, que não teve idade revelada, é malgaxe (nascida em Madagascar) e já ocupava a função de madre superior. Ela demorou mais tempo para descobrir a gestação. 

Agora, as duas irão criar seus filhos em casa e, provavelmente, não poderão mais atuar na função de freira. A situação tem chamado a atenção da igreja católica, que está bastante preocupada com o caso.

Uma das freiras já está em sua cidade, e a outra irá retornar em breve para seguir a gestação. A igreja não divulgou a versão das mulheres sobre o assunto, e nem se elas justificaram a situação.

Silvio Caldas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *